Jucepar passa por adequações no setor de cadastro

08/10/2015

Desde o mês de setembro, as alterações e extinções de empresas no Paraná passaram a ser realizadas exclusivamente pelo portal do programa Empresa Fácil, como já eram feitas as aberturas de novas empresas. A medida, que visa diminuir a burocracia e simplificar os processos de registro empresarial do Estado, elevou significantemente a demanda no setor de cadastro da Junta Comercial do Paraná (Jucepar), provocando lentidão em alguns casos. A Jucepar comunica que já convocou um mutirão entre os colaboradores para agilizar a resolução desses processos e pede a compreensão dos contabilistas e empresários nesse período de adequação.

A operação do programa Empresa Fácil Paraná faz parte da iniciativa do Governo do Estado, por meio da Jucepar, para a operação da Rede de Simplificação do Registro Empresarial (Redesim), que permite que a partir da entrada dos dados na Junta Comercial seja emitido o CNPJ e compartilhados os dados via sistema com prefeituras, Vigilância Sanitária e outros órgãos de licenciamento. O presidente da Jucepar, Ardisson Akel, destaca que essas medidas configuram uma nova realidade do registro empresarial, que deve agilizar aberturas, alterações e baixas de empresas em todo o Estado, com redução de custos e maior velocidade na conclusão dos processos. “Os inconvenientes são temporários, mas os benefícios serão permanentes”, completa Akel. 

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.

Encontrou algum erro